Comité da Zona Verde, T3 e Matola A mais autónomo 

Comité da Zona Verde, T3 e Matola A mais autónomo 

Esta acção foi desenvolvida no âmbito das actividades de engajamento comunitário para participação no processo de governação a nível local. Neste contexto, a Livaningo criou no ano 2015, comités de desenvolvimento local nos bairros de Zona Verde, T3, Machava e Matola “A” e que tem estado, em coordenação com a organização, a desenvolver diversas actividades de modo a mobilizar e sensibilizar a comunidade sobre o seu papel no desenvolvimento do Município, através da participação comunitária nos processos de governação urbana.

Para melhorar o reconhecimento destes grupos e facilitar o desenvolvimento das suas actividades, a Livaningo atribuiu no início do corrente mês (Maio), cartões de identificação de membros dos comités.

Castigo Muianga, representante do comité da Zona Verde, teceu as seguintes considerações em relação a esta acção:

Eu falo em nome do comité, agradecemos por este gesto, já  muito tempo que nós queríamos ter esses cartões de membros para ajudar nas nossas actividades. Onde nós íamos bater as portas para pedir audiências para debater assuntos comunitários, muitas vezes nos complicavam por que não tínhamos identificação, mas a partir de hoje já é possível fazer isso”. Finalizou Muianga.

Para a Livaningo, este feito é uma mais-valia para os comités, pois o mesmo contribui para sua auto afirmação, reconhecimento e identificação uma vez que, terão maior abertura para realizar as actividades por si sem depender necessariamente da organização.

Comments

comments


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *