Livaningo e Associação AMA Firmam parcerias na área programática

Livaningo e Associação AMA Firmam parcerias na área programática

Associação AMA (Associação do Meio Ambiente), uma organização não governamental moçambicana sedeada na província de Cabo Delgado, e que trabalha na área do ambiente, visitou a Livaningo no dia 23 de Maio de 2018 para fortalecimento de parceria que já existe desde o ano passado.

A visita estava inserida no âmbito de troca de experiência entre as duas organizações nas diferentes áreas de acção, especificamente gestão dos recursos naturais e faunísticos, educação ambiental no âmbito das mudanças climáticas e promoção de alternativas energéticas sustentáveis, pesquisas e questões ligadas a participação nos processos de governação local.

A visita cumpriu com duas pautas, uma reunião no período da manhã e uma visita de campo no período da tarde.

Na reunião que durou cerca de 4 horas, as duas organizações apresentaram as suas áreas de atuação e discutiram sobre as dificuldades e desafios que enfrentam na implementação dos programas. Ao longo das apresentações, a Livaningo fez a exibição do documentário e   fotografias que mostram o drama ambiental e social da Lixeira de Hulene e exibiu também algumas histórias de sucesso.

Por forma a se inteirar de perto sobre algumas acções da Livaningo, a equipa deslocou-se para a Lixeira de Hulene, local da tragédia e visitou uma das famílias afectadas pelo deslizamento da Lixeira de Hulene num dos bairros periféricos da cidade de Maputo onde se encontram a alugar uma pequena casa enquanto aguardam o processo para o reassentamento em Possulane. No local a Livaningo fez a entrega de alguns donativos a família recolhidos no âmbito da sua campanha denominada ” ser solidário, atrai solidariedade” .

Igualmente, a equipa teve um encontro no período da tarde com o Comitê de Desenvolvimento Local da Zona Verde (Grupo de munícipes organizados representativo da comunidade do bairro de Zona Verde), onde os membros partilharam o trabalho que tem desenvolvido como comitê para resolução de problemas locais em nível do bairro da Zona Verde e enalteceram o apoio que a Livaningo tem dado para o funcionamento do comitê e na resolução dos seus problemas.

De acordo com a Livaningo está interação e união entre s organizações demonstra a capacidade das instituições de dialogarem em prol da advocacia para o melhoramento da vida das comunidades.

Recorda se que a Livaningo já visitou a associação AMA em 2017

Comments

comments


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *